sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

INDECOROSO

                                                  SAI CÃO QUE TE FAZEM BARÃO
Já lá vão vinte e quatro anos que um tal Sousa Lara protagonizou a indigente cena que pretendeu afrontar José Saramago. Era então o sujeito sub não sei quê da cultura, o que estava bem, já que cultura e cavaquismo eram incompatibilidades absolutas.
Mas quis o destino que o homem que o Lara tentou ofender ascendesse pouco depois ao Olimpo das Letras, enquanto do tal Lara nunca mais ninguém ouviu falar, a não ser por também andar embrulhado naquela coisa da Universidade Moderna, enfim, tudo actos de muita elevação…
Aconteceu agora que o seu chefe de então achou dever aproveitar o resto de Poder que lhe sobra para o condecorar, coisa tanto mais indecorosa quanto ofenderá, certamente, quantos até hoje foram agraciados com igual “medalha”.
Mas como nem tudo é mau, acaba de ser dada uma injecção de ânimo aos humoristas e ao anedotário nacional…
                                       Amândio G. Martins

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.