sábado, 11 de junho de 2016

Morreu o provedor do Leitor do Público


Morreu esta tarde o provedor do leitor do Público, o dr. Paquete de Oliveira, que almoçou com os leitores o ano passado em Lisboa, no 2º Encontro Nacional de Leitores.
Creio que perdemos alguém que nos apoiou - mencionou todas as nossas iniciativas e cumpriu com o seu papel de provedor até ao fim. A última crónica foi apenas há cinco dias.
Esperemos que o Público o possa substituir da melhor forma, ou seja, nomeando alguém que ouça e dê voz aos leitores do Público. “Fisicamente, morre-se uma única vez; socialmente, podemos morrer e nascer várias vezes”.

2 comentários:

  1. Corroboro em tudo o que a colega Maria do Céu escreve sobre o Professor Paquete de Oliveira, que teve a ideia de homenagear este distinto provedor do leitor, com uma definição ou pensamento da autoria do homenageado.

    ResponderEliminar
  2. Conheci o Dr. Paquete de Oliveira no 2º Encontro Nacional de Leitores. Falei com ele e a imagem que me ficou foi de pessoa interessada na sua profissão e, mais importante ainda, interessada também com os amadores da sua profissão, ou seja, os leitores intervenientes nos jornais. Para além disso, de uma simpatia e afabilidade mais que evidentes. Perdemos um amigo. Curvo-me respeitosamente perante a sua memória.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.