quarta-feira, 29 de junho de 2016

Secretário de Estado abdica de subsídio

Acerca da notícia de ‘Secretário de Estado abdica de subsídio’, só podemos afirmar que estamos perante mais um caso de autêntica ‘esperteza saloia’.
É que o referido Secretário estava a receber 360 euros mensais de subsídio de alojamento por ‘residir’ a mais de 150 quilómetros de Lisboa.
Mas dá-se o caso de o referido pseudo farsola estar a residir na morada que detém em Cascais e onde sempre morou a sua mulher, que dista cerca de 20 quilómetros de Lisboa.
No entanto, como a sua residência fiscal tem sede em Tavira, o ‘inocente’ secretário pensava ser legal tal subsídio.
Todavia, como este ‘artista’ deve haver muitos mais.


José Amaral

1 comentário:

  1. Se houvesse um resquício de dignidade na pessoa em causa, ela devia demitir-se e devolver as importâncias recebidas. Se não o fizer, o ministro que tem a sua tutela ou o 1.º Ministro, deviam fazê-lo. A imagem dos políticos está cada vez mais degradada, e eles encobrem-se uns aos outros, até porque a maioria não estão isentos de acções menos correctas.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.