sexta-feira, 30 de setembro de 2016

NUNCA TRABALHEM!

"Nunca trabalhem" e "trabalhadores de todo o mundo, diverti-vos!", são máximas do Maio de 68 e do movimento surrealista que põem em causa toda a lógica do funcionamento da sociedade mercantil. Ou então "trabalha-se melhor dormindo, formai comités de sonho". Deste modo se goza com a lei do cálculo e da eficácia: "Aspiro a ser eu, a caminhar sem entraves, a afirmar-me só na minha liberdade". Apela-se à abolição do dinheiro. Toda uma lógica cruel, ridícula e imbecil é desmontada com palavras de ordem e apelos à acção.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.