sábado, 24 de setembro de 2016

O diabo sempre veio


Estava anunciado que, em Setembro, o diabo vinha aí. E veio, mas errando o alvo: invocado por Passos Coelho para ensombrar o país com as suas “diatribes”, caiu direitinho na cabeça do chamador. Que raio de ideia teve quando aceitou o convite de José António Saraiva para lhe servir de apresentador do livro? Magnanimidade na retribuição de algum favor prestado? Não acredito muito, mas até já ouvi alguém dizer que, se calhar, foi medo de que o arquitecto revelasse algum mexerico referente ao ex-primeiro-ministro. Como quer que seja, Passos safou-se, e bem. Mas deu o dito por não dito!
Expresso - 24.09.2016

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.