quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

ESTAMOS A CASTRAR A VIDA

As crianças brincam cada vez menos. São super-protegidas. Pouco vadiam. Não andam à solta. Estão coladas ao ecrã: da TV, do computador. Vivem em espaços fechados. Têm dificuldades de relacionamento. Que presente, que futuro, estamos a construir? Onde está a liberdade, a criação, a poesia? Estamos a construir muros e prisões. Estamos a castrar a criatividade. Estamos a castrar a vida.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.