terça-feira, 13 de dezembro de 2016

O homem que alugou Serralves

Jorge Mendes, o empresário de futebol, esse mesmo o do Football Leaks. Aqui trazido como símbolo dum todo que o episódio epigrafado neste texto releva. Todo esse que engloba "Coentrões, Ronaldos, Mourinhos, Carvalhos, Pepes e tutti quanti".
Todos eles excelentes jogadores, treinadores e empresários. Mas também vulgares vendedores de óculos, perfumes, sapatilhas. E ainda... ídolos de jovens e graúdos e... "offshoristas" encartados! A quem tudo se perdoa porque... é da "natureza humana". Esta última avocada por José Gomes Ferreira (jornalista económico da SIC) como justificativa do "gosto à outrance pelo dinheiro" e, portanto,,, da inevitabilidade da última "profissão" atrás referida.
Voltemos a Serralves. Há alguns meses, Jorge Mendes alugou (!) aquele espaço, ícone cultural do Porto, para se casar. Fecharam-se ruas à volta e a festa foi de arromba. Privado e público misturaram-se, as elites "aceitaram" o "pato bravo" mesmo que as primeiras não suportem o segundo, mas este conseguisse o que todos os "patos bravos e similares querem: "comprar" as elites com dinheiro pois o que lhes sobra deste falta-lhes em pedigree reclamado pelos "comprados". Ódios de estimação... ou os extremos tocam-se...
Por aqui me fico. Football Leaks, idolatria tacanha, elites, patos bravos, promiscuidades, enfim, no fundo a "natureza humana" que tudo desculpa...

Fernando Cardoso Rodrigues
(Enviado ao PÚBLICO para eventual publicação em 8 de Dezembro)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.