quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

"O empreendedorismo: doença infantil do capitalismo"?

"No nosso tempo, o individualismo meritocrático, um dos lugares-comuns da direita liberal, surge agora sob as vestes místicas, quase sacrais,de uma nova ideologia: o empreendedorismo.O fenómeno adquiriu tal dimensão, institucional e intelectual, que alguns poderão considerá-lo até a doença infantil do capitalismo".

Título e texto retirados do livro "Da Direita à Esquerda" (Pág.54 e 55) de António Araújo, Ed. Saída de Emergéncia, 2016.

4 comentários:

  1. o empreendedorismo é mais do que isso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O empreendedorismo está ligada apenas ao capitalismo/economia e finanças? E o empreendedorismo social?

      Eliminar
    2. Aquilo a que chama "empreendedorismo social" toma de empréstimo uma palavra ( a "dita") que tem profunda conotação, aquele que vem no texto que transcrevi. Dir-me-á que as palavras são "livres", mas há um léxico novo, do qual o "empreendedorismo" faz parte, que apareceu há uns anos e que, no seu conjunto, não existe por acaso e é causa e consequência duma "doutrina" de poder. Toma-a por acaso? Por hábito, sem crítica? Ou bem incorporada numa forma de pensar?
      Porque não se continua a chamar "actividade social" ou "serviço social" ou, ou...? A nova adjectivação do "social" é "suspeita" ( para mim, obviamente).

      Eliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.