sábado, 4 de março de 2017

O PAPEL DA EXTREMA-ESQUERDA

José Sócrates, Ricardo Salgado, Carlos Costa, Pedro Passos Coelho, Paulo Portas, Paulo Núncio, Maria Luís Albuquerque, Assunção Cristas. Uma corja de vendilhões, de bandidos. Ricardo Salgado é apontado pelo Ministério Público como o principal corruptor de José Sócrates. O empresário luso-angolano Hélder Bataglia revelou ter recebido instruções expressas do ex-banqueiro do BES no sentido de se encontrar com Carlos Santos Silva, o amigo de Sócrates, e fazer-lhe chegar 12 milhões de euros na Suíça que depois seguiram para o ex-primeiro-ministro. Com o caso "Marquês" e com os offshores o país está a arder. O caos está instalado. Marcelo está atrapalhado. Olha os gajos fodidos, a fugir às perguntas. O povo pode acordar e os sectores mais radicais da esquerda e os anarquistas podem reforçar-se. Saibamos interpretar os factos. Saibamos pegar fogo ao poder e ao dinheiro. Saibamos jogar o jogo, de uma vez por todas.

1 comentário:

  1. Nunca, mas nunca, o apelo ao "pegar fogo" seja ao que ou/e a quem quer quer seja terá a minha voz de concordância! Isso não é "jogar jogo nenhum", é destruí-lo!

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.