terça-feira, 28 de março de 2017

Paradoxo fatal

In NORTADA, número 66 - série IV - Março/Abril 2017 - Revista do SINDICATO DOS BANCÁRIOS DO NORTE

Nenhum texto alternativo automático disponível.

5 comentários:

  1. A começar pelo título, eis um texto terrivelmente verdadeiro. É mais que uma premonição. é uma realidade que se aproxima. E você,amigo Zé, que é um homem crente, diga-me lá, fomos feito à imagem e semelhança do Deus perfeito?

    ResponderEliminar
  2. Deus é tudo - tão belo e primoroso, como desprezível -. O livre arbítrio a isso nos conduz.

    ResponderEliminar
  3. Desprezível? Quanto ao livre arbítrio, se Ele nos deu, e se somos tão imperfeitos, e tantos de nós, tão maus, somos a Sua imagem e semelhança?

    ResponderEliminar
  4. O 'nosso mundo' é composto de prós e contras. Portanto, 'nem tanto ao mar, nem tanto à terra'. E, Francisco, não sei mais que dizer, escrevendo.

    ResponderEliminar
  5. Não se preocupe, amigo Zé. Nesta matéria, quem é que tem certezas absolutas? Por isso é que sou agnóstico.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.