quarta-feira, 5 de abril de 2017

Diz estar estarrecido

O cidadão Dias Loureiro, ex-ministro, ex-banqueiro e actual queijeiro, afirmou estar estarrecido pelas suspeitas que sobre si recaem, acerca do arquivamento do processo-crime que contra si fora instaurado, conjuntamente com Oliveira e Costa sobre o criminoso colapso do BPN.
Estarrecidos estamos todos nós com o desenrolar dos acontecimentos, em que temos pago toda a roubalheira que devastou a Banca e da qual não participamos e nem um alfinete tivemos de benefício.
Certamente, os acima cavalheiros ainda irão mover uma acção em tribunal contra o Estado e contra os contribuintes forçados, que pagaram e estão a pagar os roubos que outros fizeram.

nota: texto publicado nas edições de 7/4 do DESTAK e do PÚBLICO.

José Amaral

1 comentário:

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.