segunda-feira, 24 de abril de 2017

PARABÉNS A VITOR OLIVEIRA O "PAPA-SUBIDAS" E AO PORTIMONENSE


Resultado de imagem para vitor oliveira e a subida do portimonense
A quatro jornadas do final da longa “maratona”, composta por 22 emblemas, que compõem e disputam a 2ª. Liga, denominada de Ledman Liga Pro, três factos a destacar, no final da 38ª. Jornada.
Mesmo tendo perdido fora com o Académico de Viseu por 1-0, e tendo beneficiando e festejado com a derrota sofrida pelo Varzim por 0-4 com o Sporting da Covilhã, o Portimonense Sporting Clube, está de regresso à I Liga NOS, pela mão do treinador, que eu apelido do “Papa-Subidas”, de seu nome Vitor Manuel Oliveira, nascido a 17 de Novembro de 1953, em Matosinhos.
Mas antes de mais e primeiro que tudo, enaltecer o seu trabalho, a sua dedicação e a forma como deve trabalhar as suas equipas, no sentido de as preparar logo no inicio de cada época, os seus jogadores, que com ele vão trabalhar, com um único sentido e objectivo, sendo o seu lema e a sua mensagem de marca e o devido “carimbo” como treinador...subir, subir e subir, nos clubes por onde ele tem passado, e tem conseguido tais objectivos, que não está ao lance de qualquer técnico que se possa gabar de terem no seu currículo a subida de dez equipas do escalão secundário, ao escalão principal…é um feito para ser devidamente realçado e enaltecido.  
Principal treinador, do recente promovido clube do Algarve, o Portimonense Sporting Clube, Vitor Oliveira, que comanda a sua equipa técnica, os respectivos jogadores e de todo o respectivo staff, pode-se gabar perfeitamente de ser um treinado de élite por mais uma brilhante, suada e trabalhosa subida, deste técnico de seu nome simples como ele, Vitor Manuel Oliveira, que pela 10ª. vez, promove uma equipa do 2º. Escalão do futebol português, ao escalão principal, pela sua mão e capacidades e métodos de treinos e de enormes conhecimentos como treinador bem conceituado deste Mister, que eu o apelido do “Papa Subidas”.
Em 1990/91- Paços de Ferreira; 1996/97 – Académica de Coimbra; 1997/98 – União de Leiria; 1998/99 – C.F. “Os Belenenses”; 2006/07 – Leixões; 2012/13 – Arouca; 2013/14 – Moreirense; 2014/15 – União da Madeira; 2015/16 – Desportivo de Chaves e nesta presente época de 2016/17 – Portimonense Sporting Clube.
Segundo ponto; dar os parabéns às gentes adeptos de Portimão, pelo apoio dado durante a época, à equipa do Portimonense Sporting Clube, fundado em 14 de Agosto de 1914, e que irá disputar a sua 15ª. Presença no escalão maior do futebol português, tendo a sua última presença datada da época de 2010/11, sendo a sua melhor participação no primeiro escalão um 5º. Lugar na época de 1984/85. De realçar outro facto não menos importante a sua presença na Taça UEFA na época de 1983/84.
Por último, realçar o facto da região e o futebol do Algarve, ter necessidade de há muito tempo de marcar presença no escalão maior do futebol português, com pelo menos uma equipa. A última equipa que marcou presença na I Liga, foi na época de 2013/14, através do Sporting Clube Olhanense, que parece que está gradualmente a perder os seus pergaminhos de relevo, que já teve no panorama do futebol em Portugal. Tal como o Alentejo, que é uma região onde faz falta uma equipa de futebol, tendo o Sporting Clube Campomaiorense, sido o seu último representante tendo disputado o respectivo campeonato na época de 2000/01.

(Texto-opinião, publicado na edição online, secção "Escrevem os Leitores" do
  Jornal RECORD de 25 de Abril de 2017)

(Texto-opinião, publicado na edição Nrº. 46.256 do Diário de Notícias da Madeira
  de 27 de Abril de 2017) 

MÁRIO DA SILVA JESUS

1 comentário:

  1. Chama-se a este serviço, que o Vitor Oliveira presta ao clubes, promoção da classe média para a classe alta. Algumas destas agremiações desportivas conviveram pouco tempo com os ditos "grandes", mas foi uma honra e glória para as terras terem lá estado algumas épocas e assim satisfazerem o ego dos seus adeptos. Felizmente que nenhuma destas modestas equipas tiveram "claques oficializadas", que, hoje, envergonham quem tem ainda alguns pingos de vergonha.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.