sexta-feira, 14 de abril de 2017

Sai-lhes tudo furado

                                       
Agastados nem sabem bem com o quê, por terem sido apeados do Poder, e por a actual governação ter vindo a ser elogiada um pouco por todo o lado, os políticos da Direita que gozam de mais púlpito na Comunicação Social não se cansam de repetir sempre a mesma ladaínha.
Um destes avinagrados, Nuno Melo, no espaço que lhe é facultado no JN, semana após semana“arrenega” tudo quanto vem sendo feito, nada tem valor para ele. É impressionante que esta gente, que nunca cumpriu um objectivo, a não ser o de empobrecer os portugueses -  esse cumpriu-o e com rigor absoluto -  não seja capaz de reconhecer os avanços conseguidos em tão pouco tempo.
E é tal a falta de argumentos válidos que, apesar de terem convocado todos os demónios das suas relações e estes terem faltado à chamada, a não ser aquele alemão “handicapado”, que se mantém fiel – até parece que foi um português que lhe deu o tiro que o pôs assim… -  não há discurso ou escrito onde não apareçam “bancarrota, usurparam-nos  o Poder, os impostos nunca subiram tanto, os sindicatos até já nem fazem greves, o PR dá-lhes demasiada cobertura, a factura vem já a seguir”, enfim…
E chega a ser hilariante ouvir a Cristas, por exemplo, invectivar os sindicatos por fazerem poucas greves… A Direita a pedir aos sindicatos greves!
Como este tipo de gente tem estômago para tudo, apresentam-se bem nutridos e de boa saúde; pessoas normais, a viver o “martírio” por que estão passando, se calhar já teriam morrido com uma úlcera …
                                                        Amândio G. Martins

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.