sexta-feira, 19 de maio de 2017

A 19 de Maio de 1954 - É assassinada a ceifeira portuguesa Catarina Eufémia

Resultado de imagem para catarina eufémia

A 19 de Maio de 1954, na sequência de uma greve de assalariados rurais alentejanos por melhores remunerações, a ceifeira portuguesa Catarina Efigénia Sabino Eufémia foi assassinada, a tiro, pelo tenente Carrajola, da Guarda Nacional Republicana, em Baleizão. O mais novo dos seus três filhos, com oito meses, estava ao seu colo quando foi baleada. Este triste acontecimento transformou Catarina Eufémia num ícone da resistência dos trabalhadores alentejanos contra o regime ditatorial imposto por Salazar, que não permitia qualquer tipo de manifestação por melhores condições de vida.
Nasceu a 13 de Fevereiro de 1928.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.