quarta-feira, 3 de maio de 2017

Palhaço rico não tem graça

Já pariu o “picareta falante”
Mas parece que perde alguns direitos
Que recompensam velhos preconceitos
E fazem dele alguém importante…

É que foi a um seu altifalante
Que a usou para fáceis efeitos
Que foram creditados os proveitos
Dessa idiotice extravagante.

Costumeiros a criar ditirambos
A burlesca dupla de saltimbancos
Actua no mesmo campo de acção…

Os pobres aduladores de ambos
Que elevaram “geringonça” aos palcos
Parecem macacos de imitação!


Amândio G. Martins

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.