domingo, 18 de junho de 2017

O PAÍS A ARDER

O país a arder. A televisão a arder. Eu próprio a arder. Como no apocalipse. Horror. Horror. Marlon Brando. Jim Morrison. "The End". "O fim das risadas e das doces mentiras". Onde está o bem? Onde está o mal? O país a arder e eu a chorar, aos berros pelas ruas da aldeia, a insultar Deus e o Presidente. O país a arder e eu a beber. Mãe-Natureza que te viras contra nós.

3 comentários:

  1. Se quiser acreditar no que lhe digo: entendo muito bem o seu GRITO!

    ResponderEliminar
  2. Perante tão dantesco espectáculo só poderemos emitir um GRITO DE IMPOTÊNCIA.

    ResponderEliminar
  3. A revolta perante o horror, sintetizada pelo amigo Pedro.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.