sábado, 24 de junho de 2017

Rui Jorge: tinhas que "matar com discernimento"...

No tempo das "crucificações" nada agrada mais aos maniqueístas  que um "falhanço", por pequeno que seja e até nem seja um verdadeiro falhanço. Antecedido dum pequeno "elogio" pois então! Para parecer que dão uma "demão" de lhaneza...
Agora o visado foi Rui Jorge (R.J.), seleccionador nacional dos "sub 21", pela pena de J.M.M. (quem é?) no "sector das setas" do PÚBLICO de hoje. R.J. personalidade competente, sóbria e simpática, conseguiu seis anos sem derrotas, ganhou dois dos três jogos (perdeu com a excelente Espanha) nesta fase de apuramento na Polónia mas " não foi matador e faltou-lhe discernimento" (sic) e vai daí... seta vertical a apontar para baixo! Nem sequer uma "setinha horizontal"... igual à de Teresa May. dada pelo mesmo Sr. J.J.M. (quem é?) no mesmo local e no mesmo dia!
Como dizia ontem , no mesmo jornal, António Guerreiro: a "biopolítica das catástrofes" é ela mesmo "catastrófica". E muitas vezes, digo eu, é escrita por "impolutos" que nem o nome completo colocam por baixo do que assinam. Ou se ganha ou se perde. dizem eles e acham-se cheios de razão!

Fernando Cardoso Rodrigues

1 comentário:

  1. Se calhar esse J.2M tem um background tão pouco recomendável que não tem coragem de se revelar abertamente...

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.