quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Direita e esquerda (noticias de)

Reportando-me à minha publicação sobre o tema em título, acabo de receber a informação que a mesma chegou ao conhecimento de José António Saraiva, director do semanário SOL e que o mesmo aproveitou para fazer referência  com a indicação do mensageiro e da origem. Segue-se a fotocópia pouco legível e o link. Fico satisfeito que a mesma tenha tido tal divulgação, apesar de certos boicotes.




                                                                                                                     Ilustração do leitor Paulo Pereira

 
 
 
 


https://sol.sapo.pt/artigo/574700/liberdade-de-pensamento



 

 

 

7 comentários:

  1. Fico contente por si, que não pelo "citador". Apesar de, como sabe, não gostar do "Observador", preferia ver o que o Jorge Morais escreveu "nas mãos" dele que nas de JAS. Mas isso sou eu que o prezo a si, embora ambos saibamos o que cada um pensa. Também ambos sem ser..."politicamente correctos".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por também ser assim, acredito no seu contentamento e agradeço. Sobre o local da publicação, e aqui a nossa diferença, se o Avante fosse democrático que importância tinha ser lido pelos camaradas? O que evito, isso sim, é ser publicado em necrologia e em casos de policia. Mudando de assunto, verifico que o Ford Anglia afinal ainda pega. É que fiquei preocupado por ver a história do “Ora bolas” num local diferente do meu comentário que lhe deu origem “Marcelo: e vão duas” e que fiquei sem saber a sua opinião. Sobre o “Ora bolas” lembro-me dessa frase ser dita quando estavam senhoras presentes, mas quando era só a rapaziada saía um “Ora .......-se” e que hoje atendendo à igualdade de géneros seria ridículo.

      Nota:
      Espero que ninguém considere “grossa” esta resposta. E já agora, quando tal aconteça, peço à vitima que se manifeste de imediato para poder-me defender ou pedir desculpa.

      Eliminar
    2. Bom dia. Já é habitual mas lá vamos nós discordar. Desta vez não politicamente no sentido específico do termo mas de factos por si comentados. Começo. A sua referência ao Avante não a percebo porque quem me desagradou não foi o SOL mas JAS (não foi ele que referi?). Depois, fiquei baralhado: o "Ora bolas" não foi um comentário meu a um texto do Amândio Martins sobre um livro de Anselmo Borges? Julgo que sim. E o "Marcelo: e vão duas" foi um texto meu em que pretendi dizer que Marcelo R.S. está ser atacado por uma direita ultramontana (cujos gurus estão muito no OBSERVADOR), coisa que o PR não é, felizmente.Ah, e "grossa" foi palavra que, se me lembro bem, nunca usei aqui.

      Eliminar
    3. Quanto ao SOL tem toda a razão; sobre o “Ora bolas” foi realmente um comentário seu sobre o livro; sobre o "Marcelo: e vão duas" é realmente um texto seu mas é no meu comentário que estreei o “Ora bolas” e sobre o mesmo, o Fernando não deu o seu parecer. Sobre resposta “grossa”, sabe bem a quem me refiro. Se fosse a si, tê-lo-ia dito e não escrito: espero que ninguém ...OK?

      Eliminar
  2. Depois de ter escrito acima, fui rever o "Marcelo: e vão duas" e vi o seu segundo comentário que ainda não tinha lido já que a última vez que lá estive foi antes do Jorge Morais o ter escrito (como pode ver pelas horas). Posso portanto agora responder à sua pergunta sobre a minha opinião: como era óbvio, não me referia a si mas sim a quem já mencionei na minha resposta de hoje, nas duas última linhas.

    ResponderEliminar
  3. Devido a uma mera coincidência, acabei de escrever/gravar o comentário às 10H56 quando o seu já lá estava desde as 10H00 mas que não tive oportunidade de o ler e daí tudo isto se tornar um pouco confuso mas parece estar tudo esclarecido, execepto, e voltando ao meu comentário de 01 Agosto das 22H59, não saber ainda se na sua opinião, tenho razão quanto à minha discordância com Marcelo no caso do teatro. Só isto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente tudo ficou confuso pelos comentários cruzados, pelas horas de escrita e leitura, etc. E se isso é assim para nós, imagino o que será para aqueles que têm a paciência de nos ler a ambos.
      De qualquer modo, acho que já me localizei e realmnet havia... outro "ora bolas" que era o seu, num comentário sobre outro texto. O seu a seu dono, embora não me "caiam os parentes na lama" por usar palavras que o Jorge também utiliza,bem como o contrário será verdade: não entenderá o seu uso como um "plágio", pois não?
      Quanto à sua insistente pergunta, já entendi que é importante para si que eu responda. Julgo que já o fiz num tom genérico mas aqui vai: concordo consigo que Marcelo R.S. se intrometeu extemporaneamente, no caso do Teatro. O que muda isso no restante?

      Eliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.