segunda-feira, 6 de agosto de 2018

SIRESP nas mãos da incompetência

Os trágicos fogos de há um ano mataram pessoas,
animais e queimaram bens, deixando um rasto de cinza no
tecido arbóreo. Uma inaudita tragédia, só avaliada por quem a sofreu na pele… 
    As gravíssimas falhas do SIRESP/Altice foram também
cúmplices daqueles horrores!, por omissão, incompetência,
falhas de comunicação e por aí fora. Foi dito pelo executivo,
após aquele dramatismo, que este sistema de comunicações iria para
a mão do Estado. Uma boa promessa, que deu jeito fazer na altura, sendo 
que afinal foi retórica para serenar ânimos…
    Agora, que o Estado (leia-se governo) podia deter o SIRESP,
entrega-o de mão beijada à ganância incompetente da Altice, incumpridora. 
Porquê? Com que interesses?  É necessário haver mais incumprimentos?…
    A este nível, o desgoverno nada aprendeu com a mortandade de há um ano. 
Inaceitável e muito perigoso! O interior não merece mais este abandono, por
parte do Estado...

                                                 Vítor Colaço Santos  

1 comentário:

  1. A promessa não cumprida, por parte do governo, não tem classificação!

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças. Não diga aos outros o que não gostaria que lhe dissessem. Faça comentários construtivos e merecedores de publicação. E não se esconda atrás do anonimato. Obrigado.