segunda-feira, 22 de abril de 2019


Um problema sério...


Dizia há dias o prof. Gonzalo Bernardos, que ensina economia na Universidade de Barcelona, que “los españoles no ahorramos nada” ; e este é também um problema nosso, segundo diz quem sabe.

Há por aqui à volta, numa região que não é rica, muito longe disso, sendo gente laboriosa e remediada a maior parte da população, quatro grandes superfícies comerciais; há dois dias passei por todas elas com a ideia de comprar um vinho de que gosto particularmente e em todas elas desisti de o fazer, por já não ter paciência para perder muito  tempo em filas – ainda por cima para gastar o meu dinheiro – tal a multidão que as lotava, ao ponto de, numa delas, ser grande até a fila de carros à espera de poder entrar no parque privativo da casa.

Diz-nos a notícia do JN que abriram, por semana, quatro daquelas “catedrais” de consumo em 2018, estando previsto, para este ano, investimentos de 300 milhões de euros; como estes empresários não são de atirar dinheiro pela janela, estarão a contar com o aumento do poder de compra dos portugueses, já que a população há muito está em decréscimo, a menos que andem a tramar estratégias para se “comerem” uns aos outros...


Amândio G. Martins

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças. Não diga aos outros o que não gostaria que lhe dissessem. Faça comentários construtivos e merecedores de publicação. E não se esconda atrás do anonimato. Obrigado.