segunda-feira, 30 de abril de 2018

O PROFESSOR

Manuel Pinho (MP), ex-ministro da Economia do governo Sócrates, é agora acusado de ter recebido, durante anos, inclusive durante o tempo em que exerceu aquele cargo governamental, cerca de 15.000 euros mensais da parte de Ricardo Salgado. Um ministro avençado.
Saíu do governo pelos "corninhos" que fez e foi para onde? Para a Universidade de Columbia nos EUA, dar aulas. Segundo parece, com umas "falcatruas" envolvendo a EDP e a dita Universidade. Agora o PSD, pela voz do seu presidente, veio  requerer a audição de MP na assembleia da República. E muito bem. No entanto ( ai estes políticos!), por razões de "guerra política" com o Bloco de Esquerda, veio agora dizer que "o dr. Manuel Pinho até tinha acedido (sic) a essa inquirição" (sic), embora somente depois de responder ao Ministério Público. "Acedido", dr. Rui Rio?! Olhe as palavras! 
Ah, mas onde está MP neste momento? Na China.... a dar aulas ( di-lo a RTP)!Vénia ao Sr. Professor que passa a vida a "ensinar"! Tão enorme pedagogo e tão pouco aprendeu...Ou será, antes... "aprendeu" demasiado?...

Fernando Cardoso Rodrigues

1 comentário:

  1. Se foi ele foi "quadro" do BES, não estranho que lhe ficassem a pagar, mesmo não pondo lá os pés, para garantirem o seu regresso quando se "libertasse" de funções públicas. É que uma "cabeça" daquelas devia lá fazer falta para ajudar nas tramóias que naquele banco se engendravam. Mais estranho é uma Universidade americana entrar num jogo desses, recebendo patrocínios para o ter lá como "teacher"...

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças. Não diga aos outros o que não gostaria que lhe dissessem. Faça comentários construtivos e merecedores de publicação. E não se esconda atrás do anonimato. Obrigado.