terça-feira, 10 de maio de 2016

Durão Aldrabão

Não será preciso ir para Coimbra, para saber que Durão Barroso é mentiroso. E já não espanta  com actos de traição. Mas que mentia com quantos dentes tem, e são todos os que a boca comporta, o que lhe dá um aspecto raro entre os portugueses que podem trincar com tal privilégio, mente sem pudor que até causa preocupação, e merece aconselhá-lo a arrepiar o ritmo com que o faz. E são imensas as mentiras se contadas, e as fugas às responsabilidades, já cometidas, que aqui não cabem se nomeadas. Quer enquanto no exercício no cargo de 1º ministro em part time por cá, quer como presidente da Comissão Europeia em full time por lá. Toda a gente que viu e ouviu a entrevista dada ao jornalista de um canal de TV, ou lhe leu na cara e num semanário as falsidades com que pretendia inocentar-se das maldades feitas durante as funções governativas, não se espanta agora com o desmentido do ex-presidente, Jorge Sampaio, que foi pelas costas envolvido e empurrado para dentro da mentira grosseira, assassina, que se formou nos Açores, aonde se juntou a banda dos 3B+ 1. A saber - Bush, Blair, Barroso mais Asnar. Sendo que o B luso serviu de porteiro submisso, numa subalternidade confrangedora, classificada lixo, nessa notação, conjurada na Cimeira das Lajes. Foi só esperar uns dias, para saber do desmentido publicado, de Jorge Sampaio, às afirmações produzidas diante dos media pelo fugitivo ex-1ºministro, e actual 1º bocas, que agora pretende retirar-se da Política, e voltar às aulas numa Princeton qualquer, mesmo não sabendo fazer equações diferenciais nas costas de um voucher, que lhe permita somar cadáveres e vítimas colaterais, mas apenas e só colaborar em actos terroristas, e tentar agora limpar-se, com a desculpa, de na altura ter na sua posse, pouca e má informação, mas que bastaram e foram afinal motivos, causas suficientes, que exigiam uma intervenção, uma invasão do Iraque, que deu no que hoje está à vista e se sabe - um desastre. Hoje Barroso, o ignorante aldrabão, quer ir dar aulas. O que é que ele tem para ensinar na conhecida Universidade dos E.U, se nós sabemos que ele afinal nada sabe, e que tudo o que diz, são bocas desmentidas, que não têm qualquer credibilidade? Faz bem em voltar às aulas, mas para bem longe de Coimbra!


2 comentários:

  1. É claro que ninguém de boa fé terá dúvidas - posto perante o que diz "burroso" e Sampaio - em perceber quem fala verdade. E o convite para "ensinar" nos USA faz parte do pacote de agradecimentos por ter aceitado ser o mordomo-anfitrião daquela tramoia indigna contra o povo iraquiano, cujos "frutos" se lastram hoje pelo mundo inteiro.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.