segunda-feira, 12 de junho de 2017

O SEMPRE POLÉMICO E POUCO CONTIDO, COMENTADOR DE OPINIÕES,CHAMADO PEDRO GUERRA, MAIS OS DOIS MOSQUETEIROS


Resultado de imagem para os três do painel do prolongamento
Porque não uma chamada de atenção, para uma pessoa, que por mais benfiquista que possa ser, que é, isso, não tenho a menor dúvida, defendendo, com todo o fervor as cores do SL Benfica, mas que não deixa, de ter posições e opiniões algo doentias, e demasiadas polémicas, para com um clube, com a grande dimensão e o prestígio, que aquele clube, tem e que, deveria e merecia ter em sua representação, outro comentador, pelo menos mais contido nas suas opiniões, que as deve ter, mas, opiniões mais cuidadosas e menos polémicas…contudo os restantes comentadores, também não são efectivamente, nenhuns “meninos de coro” e sabem muito bem quais as suas funções e o que estão lá a fazer. Defender, igualmente os seus clubes. Pois, é assim…
Mas, o Senhor Pedro Guerra, querendo com toda a “gana”, defender o seu benfiquista, mas de uma forma doentia, acaba por “queimar” a sua imagem, dele próprio, do clube, e acaba ao mesmo tempo, por saturar o(s) telespectador(es), mesmo que esse(s)  telespectador(es), sejam adeptos do clube tetracampeão de futebol.  Será, que a solução é carregarmos no respectivo comando e mudar de canal? Não vejo, melhor e outra solução…mas quem não sabe, a direcção de programas da TVI24, mudar de opinante. Mas a época dos “futebóis” está praticamente a encerrar e a fechar o pano, como nas peças teatrais, como tal já vale a pena, mudanças.
Assim, é, e tem sido a actuação, ao longo dos programas, em que tem vindo a participar, a actuação, do actual director de conteúdos da BTV, habitual comentador residente no programa “Prolongamento”, representante do SL Benfica, e cujo programa, é transmitido todas as segundas-feiras, no canal da TVI24, devido ao facto, na minha modesta opinião, de estar a ser uma pessoa demasiadamente polémica e muitas vezes inconveniente e já começa a ser saturante o seu “visual” e de se ouvir, e consecutivamente e a qualquer momento interrompe, os seus colegas de painel, menos um, que não lhe dá a devida confiança para tal ousadia, um outro comentador, representante do FC Porto, Senhor Manuel Serrão, outro dono da (sua) verdade.
Uma outra grande figura que compõe aquele trio, o representante do Sporting CP, o homem dos sete ofícios, o Senhor José Augusto de Pina, que é um humorista, escritor, apresentador de televisão e argumentista português, mas que de futebol pouco percebe, não deixa de sere real…mas, sempre vai servindo para a confusão. 
Para alguns espectadores, O Senhor Pedro Guerra, está a “manchar” com as suas “atordoadas”, muitas vezes, sem nexo, defendendo exageradamente a imagem e o bom nome da instituição, centenária chamada, SL Benfica. E exagera em demasia nos seus comentários, por vezes “quiçá”, fora do contexto do referido programa?
No final de cada programa em que intervém, não deveria reflectir um pouco, e puxando, atrás e rebobinar a cassete, e analisar todos os programas em que participa e analisar a cuidado todas as opiniões e posições que toma, nos respectivos programas e ser um pouco mais contido nos seus comentários? Por outro lado, não é lá muito, do seu agrado, quando igualmente, por vezes, quando comenta ser igualmente interrompido.
O SL Benfica, merecia ter outro comentador naquele programa Prolongamento, para bem do próprio clube.
O que vale para todos nós é que a época “futeboleira” está a terminar e com isso, o programa deverá ter igualmente os dias contados. Digo eu...

(Texto-opinião, publicado na edição Nrº. 46305 do Diário de Notícias da Madeira de 15 de Junho de 2017)
(Texto-opinião, publicado na edição online, secção "Escrevem os Leitores" do
  Jornal RECORD de 15 de Junho de 2017)


MÁRIO DA SILVA JESUS

2 comentários:

  1. Amigo Mário, sempre atento e oportuno
    Estes programas sobre futebol, que são exibidos nos canais de televisão, são de um baixo nível que confrange. Discutí-los é chafurdar no lixo. A maioria dos comentadores são de baixo nível, e alguns, com um vocabulário deprimente, para além de deixarem sempre segundas intenções malévolas sobre pessoas que nada têm a ver com o lixo em que se espreguiçam e deliciam. É uma vergonha que os directores de programação contratem tais figurantes, pois se a medida deles é a que estamos a ver intelectualmente devem ser também zero. Estes assuntos da bola e arbitragem, metem-me nojo e incomoda-me falar neles ainda que, por vezes, seja necessário fazê-lo, para empregar o azorrague.

    ResponderEliminar
  2. Amigo e Senhor Professor, é verdade e estou plenamente de acordo com o Senhor. E, cada um fala daquilo que mais está habilitado e sente-se mas à vontade, para se julgar alguém com habilitações para falar e poder "riscar toscamente" alguma coisa de que mais gosta. Contudo, estou de acordo, estes programas são um autêntico "lixo". Mas cada um com a sua opinião, uns, preferem falar de outro"lixo" que é a porca e nojenta, politica e dos "porcos" politicos. Cada um é para o dá. Mas como sempre respeito a sua opinião. Ver estes programas para mim é uma "farra" e divertida, melhor na minha opinião, do que estar a ouvir aquelas mesas redondas ou quadradas em que se juntam politicos. A "trampa" é praticamente a mesma.
    Aceite com o devido respeito aquele abraço fraternal do

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.