quinta-feira, 17 de março de 2016

O "INSTAGRAM" DA SEMANA

Há uma pergunta que poucos visitantes de um jardim zoológico – porque vão para se divertirem e verem a natureza em estado “natural” - fazem: “onde está a besta?”

É quem recebe o amendoim e faz pantomimas de agradecimento, ou quem o atira a troco de espectáculo barato, puro gozo, uma fotografia bem “sacada”?

Questão difícil. O comedor de amendoins gosta de os comer, o lançador de alcagoitas (nome oficial: Arachis hypogaea), atinge o seu orgasmo evolutivo e civilizacional no arremesso do mesmo, assistindo à luta pela posse desse alimento, na esplanada onde deglute muita cerveja acompanhada por quê? Amendoins, claro está.

Não se sabe qual é a perspectiva do respigador de amendoins, nem o seu pensar acerca dos estranhos indivíduos coloridos e barulhentos que atiram para a sua arena o precioso alimento. Impossível é também saber o pensamento dos lançadores de alcagoitas, que falam um linguajar proto-histórico e têm uma linguagem gestual assustadora, desconhecendo-se se é epilepsia ou somente demência primeva.

Nestas condições, fica a dúvida. A besta se calhar não é a besta. A verdadeira besta, jamais o vai saber.

Há uma outra pergunta que alguns, muito poucos,  espectadores a um jogo de futebol fazem quando entram num estádio e que pode ter alguma razão de similitude com o caso do jardim zoológico: “quem é o amendoim?”

Para ilustrar melhor o texto, o autor aconselha que o leitor veja as imagens do comportamento dos adeptos do PSV (Holanda) numa esplanada de Madrid, algures, um dias destes.



Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.