segunda-feira, 21 de março de 2016

OS ANIMAIS RACIONAIS E A VIDA PLENA

"A Vida, Acontecida há muitos milhões de anos, no decurso da evolução, como a máxima fragilidade, tem estado a marcar passo há já bastantes milhares de anos sem conseguir passar a Vida Humana, plena e integral. E tudo por demência dos Animais Racionais."
(Padre Mário de Oliveira, "Pratico, Logo Sou")

Poucos de nós atingimos a vida plena e integral. E mesmo esses são rejeitados, postos de lado ou perseguidos. Aconteceu assim com Jesus. Segundo o padre Mário de Oliveira, assiste-se hoje à idolatria de três poderes: o religioso, o político e o económico-financeiro, sobretudo este. O poder financeiro reduz tudo à compra e venda e a imagens mediáticas, a fantasmagorias, que nos fazem a cabeça. É inimigo da Criação e da Vida. Ora, nós temos que escolher entre o Amor e o Poder. Amor que é, no dizer do padre Mário, "a política praticada que nos faz humanos", amor enquanto exaltante de si, por toda a vida, à missão histórica do cuidar da Terra. 
Dificilmente nos damos ao outro. Temos medo, temos vergonha. A sociedade mercantil institucionalizou a manha, a vigarice, a competição. Encheu o templo de vendilhões e banqueiros. E assim falamos a medo, não de coração aberto. Andamos a enganar-nos uns aos outros, a chapinhar na lama. Vivemos uma vida precária, sem sentido. Somos escravos dos relógios e da troca.

1 comentário:

  1. cada um de nós, no seu pequeno contributo, pode mudar as coisas! Mas sem medo!

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.