sexta-feira, 21 de abril de 2017

Coisas da "Manita" ou das Idolatrias

- Há leitores, raros, que se pronunciam para exaltar os feitos gloriosos deste e daquele, sem se darem conta que estão a corroborar no erro e a serem apoiantes da ilegalidade, falsidade, e trapaça. CR7 - o Air-Cristiano, é o exemplo comparativo que serve este reparo. Dias Loureiro, Isaltino Morais ou Duarte Lima, para nomear só estes e não aborrecer quem outros conhece e podiam ser aqui apontados, também conseguiram grandes êxitos e fortuna boa, batendo recordes difíceis para a maioria de nós, com uma ou com duas "manitas". E encheram os bolsos.Tiveram foi sempre o apoio de quem os ajuizou, enalteceu, e os entenderam como geniais. Para alguns (raros) leitores e escritores de cartas, não lhes importa os meios como conseguiram tanto êxito. Se ele assentou no roubo, na gatunagem, na ilegalidade. O importante foi juntar os títulos, e os proveitos, seja pelo modo que for. E encheram as prateleiras, os museus, as garagens, e os cofres. Desde que apareça um Juíz, em campo da bola, ou na barra de tribunal, e aí nos apare os golpes e os roubos, tudo é válido e nos serve de conforto. "Biba o pobo" e quem mais ordena. Aos restantes, os que não aceitam fazer parte destes jogos, nem sequer por 90 min. e se recusam a prolongamentos fraudulentos com palmas, que vão tomar aspirina da Bayer. É bom esclarecer, de que CR7 não é o culpado pelo "sarampo" que anda por aí a infectar o desporto-rei, mas do qual é rico beneficiário. Mas recomendo a vacina  a quem é adepto dos resultados limpos. Que tempos estes!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.