quarta-feira, 5 de abril de 2017

A JUSTIÇA QUE SE FAZ QUANDO NÃO É FEITA

É nestes dias que somos postos à prova.

Quando sentimos que os nossos valores afinal não contam na hierarquia das pessoas de bem que afinal não são as pessoas de bem que os nossos pais se esforçaram em fazer.

Ensinaram-nos coisas simples.

Não mentir. A ninguém, mesmo não sendo debaixo de juramento.

Não roubar. Mesmo àqueles que nada falta, ou que nem falta dessem por aquilo roubado.

Estudar, pensar, trabalhar.

Ter orgulho em ser e não em ter.

Ter ambição e não ganância.

Sonhar e lutar por uma vida digna, colocá-la ao serviço dos outros, mas não servir-se dos outros retirando-lhes a dignidade da vida.

E saber que se erra. E reconhecer o erro. E fazê-lo com humildade. E ter coragem de o fazer.

Pelo caminho temos dúvidas, como nos dias de hoje.

Eduquei bem o meu filho?
Se ele nascesse hoje, educá-lo-ia pelos mesmos princípios?

Ah!, já me esquecia, o meu pai um dia disse-me; " - Ser herói não custa. Difícil é ser Honesto".

Sim, hoje há muitos heróis. Têm este mundo e o outro. Quintas a perder de vista, carros que são autênticas jóias, gozam férias todo o ano e a seguir outro. Mas desviam-se de um mendigo que se lhes dirige a pedir um cigarro.

Claro que sim, educava-o da mesma maneira.

Barros Correia
5/4/2017

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.