quinta-feira, 28 de julho de 2016

Mundos antagónicos


Vou dar-vos alguns exemplos – tópicos – acerca de modos vivenciais vividos no mesmo espaço-tempo.
Por exemplo, não compreendo o uso de óculos escuros mesmo em dias de nevoeiro, como também fico de pé atrás, quando vejo automóveis com vidros fumados, que mais parecem carros funerários, conduzidos por gente que não quer ser vista às claras.
Como também não posso compreender o caso da pokemania que, ao rubro, deu já alguns caricatos episódios: 1 – bate no carro da polícia a jogar; 2 – acaba com o namoro porque apanhou um Pokémon na cama da ex-namorada; 3 – José Mourinho proibiu a sua equipa de jogar por falta de concentração; 4 – francês invadiu base militar; 5 – casal interrompe relações sexuais para jogar; 6 – não foi ao funeral para pokemaniar; 7 – deixou o emprego para caçar pokémons; 8 – comissários europeus já brincam aos pokémons.
Vejam, pois, como as sociedades vivem: umas caçam pokémons; outras caçam e matam seres humanos.
Viva, pois, a loucura colectiva desta global sociedade a caminho da extinção!


José Amaral

Sem comentários:

Enviar um comentário

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.