quarta-feira, 26 de julho de 2017

Cristalino como água

Marcelo Rebelo de Sousa, na capa do jornal i de hoje: "Em ditadura, há 50 anos, eu lembro-me, era possível haver tragédias e nunca ninguém perceber bem quais eram os contornos porque não havia MP autónomo, juízes independentes ou comunicação social livre. Em democracia há tudo isso, e é uma riqueza. Essa é a diferença do Estado Democrático".

3 comentários:

  1. Tão óbvio! Pode funcionar com muitos erros, mas estamos em democracia! Realmente só uma ditadura consegue esconder mortos numa tragédia tão grande como a de Pedrogão, mesmo que o ditador tenha "bom senso", o que,por definição, é uma impossibilidade.

    ResponderEliminar
  2. É verdade: basta lembrar o zelo da Censura e da Pide para "esconder" as várias centenas de mortos nas cheias do Tejo em 1967.

    ResponderEliminar

Caro(a) leitor(a), o seu comentário é sempre muito bem-vindo, desde que o faça sem recorrer a insultos e/ou a ameaças a quem quer que seja. Não serão considerados os comentários anónimos. Obrigado.